Tendência mundial nas indústrias, entenda como a eficiência energética pode ajudar a reduzir custos e otimizar processos em curto prazo no campo fabril

Eficiência energética, em sua definição direta, é a análise do consumo de energia elétrica com objetivo da redução de custos e maior economia, por meio de novas tecnologias, materiais e equipamentos. Dentro disso, existe também a possibilidade do uso de recursos naturais com alternativas ecológicas, sem perda de conforto e qualidade do que é produzido.
Hoje, no Brasil, o momento é de retração no consumo: de acordo com o Balanço Energético Nacional parcial de 2016, emitido pelo Ministério de Minas e Energia, em torno de 32% da eletricidade produzida no Brasil é consumida pelo setor industrial – números que em 2004 chegavam a 48%, para se ter ideia – em situações que motores são os atores principais, sendo utilizados para movimentar máquinas que fazem parte do processo fabril. Neste quesito, o setor moveleiro é um dos principais consumidores: além do consumo nas máquinas, a geração de resíduos de madeira nos processos gera, como consequência, a necessidade de um sistema de exaustão.

Gostou da matéria? Continue lendo assinando a revista Referência Industrial aqui.

Post anterior

Integração Urbana

Próximo post

Móveis esportivos

admin

admin

Sem comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *